Orgulho em pertencer: você encontra propósito no que faz?

18 de novembro de 2021

Compartilhe!

O senso de pertencimento motiva e engaja os trabalhadores em suas rotinas | Foto: Windows/Unsplash

O termo “orgulho em pertencer” vem se popularizando cada vez mais entre as organizações, mas despertar esse valor nos colaboradores não é uma tarefa fácil. Para isso, são necessárias ações que promovam o bem-estar dos colaboradores e a produtividade, como manter uma gestão positiva e uma escuta ativa.

Isso desperta o sentimento de pertencer, que ocorre quando o servidor encontra propósito no que faz e, com isso, se sente peça importante da instituição em que trabalha. Sentir que o seu esforço somado ao da equipe tem impacto positivo nos resultados pessoal e profissional é um dos grandes gatilhos motivadores.

Recentemente, em um encontro com os gestores da Administração Central do Centro Paula Souza (CPS), a professora Laura Laganá, diretora-superintendente, destacou que a paixão pela instituição move os funcionários. “Às vezes perguntam o que o Centro Paula Souza tem de tão diferente e eu digo que é uma coisa simples: orgulho institucional, as pessoas têm muito orgulho de trabalhar aqui, e isso é fundamental”, disse.

Para despertar esse sentimento, apostar em conteúdos humanizados que incluam os colaboradores nos canais de comunicação da organização é uma das alternativas. Além disso, organizar eventos como palestras e workshops que abordem temas fora do mundo corporativo, como saúde e entretenimento, e explorar datas comemorativas também é um bom caminho.